Paranerdia 74: Famosos Fazendo Dublagem

vitrine-ep74Arte da Vitrine: Vitor Hugo Mota

Saudações em português queridos ouvintes!

E vamos falar (de novo) sobre dublagens aqui no Paranerdia! Depois de falarmos sobre Filmes Ruins que a Dublagem Salva e sobre Filmes Dublados ou Legendados vamos agora tratar de uma prática que está se tornando frequente na dublagem brasileira: O uso de Celebridades para dublar filmes e desenhos.

E para este assunto eu e meu novo “contratado” Vitor Hugo Mota, convidamos os amigos Leonardo Miotti e Ihasmin do Jurassicast e o ouvinte (e amigo também) Cidão Oliveira para falarmos mal (ou bem) dessas dublagens!

Saiba neste Cast:

  • Por que as empresas chamam Celebridades pra dublar?
  • Quais as melhores dublagens de Celebridades?
  • Quais as piores dublagens de Celebridades?
  • Qual a opinião de Mário Monjardim sobre isso?

Não perca sua voz e abra bem seus ouvidos ao dar play no player abaixo e bom divertimento!

Dúvidas? Sugestões? Broncas?

Mande-nos um e-mail para  paranerdia@paranerdia.com.br ou clique aqui e utilize nosso formulário de contato

Trilha Sonora deste Cast:

  • Os Seminovos – Luke, Eu sou seu Pai (tema oficial da leitura de e-mails)
  • Um Sonho Eu Tenho do filme Enrolados
  • Um Pedaço do Paraíso do filme Nem Que a Vaca Tussa
  • CD completo de Disney Adventures in Samba

Links relacionados:

Comentados nos recados:

Camiseta Umbrella Corporation: @Hsabugo

resultado-umbrella

 

Camiseta Clube do Inferno: Alessandro Leitte, vulgo ALX

resultado-clube

Comentados no cast:

Vida Longa e Próspera

Reproduzir
 Arquivo compactado(ZIP): Download

48 Responsesto “Paranerdia 74: Famosos Fazendo Dublagem”

  1. ERRATA:

    A Claudia Rodrigues dublou a personagem interpretada pela Roseanne Barr, e não Demi Moore. Esta – que nas palavras de Garcia Junior tem voz de caminhoneiro – fez a cigana Esmeralda, em "O Corcunda de Notre Dame".

  2. Caro Nerdmaster,
    Parabéns, este programa ficou bem bacana.
    Entre as péssimas dublagens de famosos eu destaco a péssima atuação do Gianechini em Robôs.
    É marcante como a dublagem no Brasil vai aos poucos perdendo o péssimo estigma dos anos 80 e vai ganhando mercado e em qualidade.
    Eu sei que vocês focaram na dublagem das animações, mas quem escolhe ver filmes dublados nem sempre é analfabeto funcional, as vezes não tem opção por ter, por exemplo, problemas na visão.
    Sds
    Leonardo Carnelos

    • Leonardo, excelente observação! Seria impossível nos lembrarmos de todos – e até mesmo acertarmos todos os castings, vide que tivemos muito churrasco de língua – mas também é bom pra gente aumentar esse elo entre os "Trovadores da Net" com nossos ouvintes tão nerds! Alimente-nos sempre com informações, erratas e adendos. Serão sempre bem-vindos!

      Quanto à opção pelo idioma dublado, concordo em "Genro", "Numo" e "Degrau" contigo! Como já dizia Garcia Junior: "Cinema é audio com video! Quem lê legenda, não vê filme!" Se você não tem o pleno domínio do idioma original, não é pecado algum optar por um idioma adaptado para que você tenha uma imersão maior na obra! Afinal, você escutará uma "versão brasileira"!

      Sei que o Alexandre NerdMaster dará as suas palavras mais tarde, mas sei que ele não me impedirá de agradecer o seu comentário e a sua pertinente análise!

      Obrigado e que Odin lhe espie pelo único olho que enxerga!

      • NerdMaster disse:

        Obrigado Vitor!

        E pra quem não entendeu o "churrasco de língua" é o equivalente do Vitor ao meu Paradoxo!

      • Caro Vitor Hugo,
        eu que agradeço pelo belo programa. E relaxa, minha intenção ao mencionar a dublagem de Robôs foi apenas a de agregar a discussão e de forma alguma corrigir ninguém… Nunca esperei que num podcast os participantes lembrassem de tudo!
        Sds
        Leonardo Carnelos

    • NerdMaster disse:

      Brilhante observação, Caro Carnelos!

      Eu mesmo não tenho nenhuma vergonha de dizer que assisto sim filmes dublados (principalmente se forem BEM DUBLADOS) pois posso dar total atenção ao que está acontecendo tanto na cena como fora dela. Há muitos filmes que, se você não estiver olhando pra tela toda, perde-se piadas que ficam "fora de foco".

      Vida Longa e Próspera

    • Bruno Gunter disse:

      Leonardo Carnelos por aqui 🙂

  3. Comentário antes que eu me esqueça, porque ainda estou ouvindo: quem dublou a Ellie nos filmes da Era do Gelo foi a Cláudia Jimenez, não a Rosi Campos. Só para constar

  4. As canelas vão rachar e as línguas vão queimar, podcasters! Bwauhauhahauauhauahuha!

    Preparem-se…

  5. hahaha Caraca, Mamuska, Edileuza! Conservem sua memória!

  6. E tem mais… acho que o protagonista humano do "rio" também é o Rodrigo Santoro. Quase certeza, quase.

  7. Radoc Lobo disse:

    A dublagem de Portugal é sim a mais engraçada do mundo.
    Assista um gameplay de God of War 3 em portugues de Portugal.
    O Kratos perde metade da raiva na voz e algumas cenas da até vontade de rir mesmo.

    Eu não me importo de chamarem um famoso para dublar, mas é um grande problema quando o famoso não esta querendo fazer um personagem e quer ser ele mesmo no desenho. Principalmente quando a pessoa nem se dá ao trabalho de mudar a própria voz.
    E esse negócio de escolher dublador pela aparência só funciona quando o desenho está sendo feito e ainda pode ser alterado antes da finalização. Quando está tudo pronto e só precisa alterar a voz, não precisa ser parecido e sim ter uma voz que combine.
    E filmes da Disney não precisam de famosos para chamar público, pois a marca Disney é muito forte por si só e até hoje eu nunca vi alguém dizer "só vou ver o filme pq é Fulano dublando"

    • Sabe qual é o lance? A figura mete a cara na Globo falando: "Venham ver o MEU filme 'Les Bicudas', onde eu faço a voz da 'Sá Fadinha'! Você vai se divertir a valer nesta história cheia de aventura e risadas!"

      A pessoa até sabe que aquele cidadão que está dublando não teve o desenho baseado na sua cara nem nada, mas atiça o público infantil (ou de mente infantil) a querer ver: "Pai! PAAAAAAAAAAAAI! Eu quero ver o filme da Vaca da Xuxa, pai!" ou "Mãe! Ô, MÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃE! Deixa, mãe, eu ver o filme da baleia do moço gordo (Leandro Hassum)!" e fecha com "Onofre! Ai, vamos ver aquele dese'i'nho que a Valéria (do Zorra Total) tá dizendo na TV! Aaaaaaaaaaai, como eu tô bandida! Será que ela vai falar isso, Onofre? Ai, tomara…" Isso enche o saco. Já estourei dois meus de ver essas situações. Já comprei um novo pela ACME com bolas de titânio.

      Como disse o Monjardim: "Pura Promoção."

  8. Ok, agora que já terminei de ouvir e lembrei de comentar, vamos deixar minhas opinições:

    – Sobre a dublagem do The Big Bang Theory, que foi comentado, ela até não é tão ruim. É estranho no início, mas depois que você se acostuma vai de boa. Os dois únicos pecados MESMO que não consigo perdoar são: dublarem a música de abertura, porque ficou simplesmente HORRÍVEL; e o dublador do Leonard, que não tem aquela voz naturalmente, e sim tenta imitar a voz original do ator. Só que ao invés de ficar uma voz estridente, como a dele, ficou infantilóide, matando a credibilidade do trabalho.
    – Sobre famosos que mandaram bem, concordo com quase todos aí da lista e indico mais um: o Daniel de Oliveira, que dublou o Galinho Chicken Little E o Mano em Happy Feet. Outro que mandou bem, também em Happy Feet, foi o Sidney Magal. Continuou sendo ELE mesmo, mas casou tão bem no personagem que achei o resultado sensacional 😀
    – E sobre famosos que mandaram mal, bem… quase todo o resto dos que não foram citados como bom dubladores, né? Fábio Assunção, Malu Mader, pessoal do Pânico, Pedro Bial… a lista vai longe

    Bom, era isso que tinha para comentar. Bom assunto e boa discussão. Abraços à todos, desejo Vida Longa E Próspera e Que A Força Esteja Com Vocês 😀

    • NerdMaster disse:

      Eu também ADOREI o Magal no Happy Feet!! O personagem dele combinou tão bem com a voz que eu tava TORCENDO pra ele cantar Sandra Rosa Madalena!!

      Vida Longa e Próspera

    • Eu gosto da dublagem de Tbbt, não sei se a escalação do elenco foi a mais acertada (maior trunfo da dublagem de Dois homens e meio), mas o trabalho é bastante bem feito e, como disse, uma vez que você acostuma, você até simpatiza.

  9. Bruno Gunter disse:

    Nerdmaster, quando vou gravar um Paranerdia de novo? Tô com saudades meu rei!

  10. Bruno Gunter disse:

    E antes que eu me esqueça! HORROR!

  11. Seiji disse:

    Alô Nerdmaster…. mais um cast muito bom.
    Sobre filmes, eu realmente não me importo de assistir os dublados, contudo se eu tiver a opção de assistir entre dublado ou legendado, prefiro ver os legendados. Agora se for filme animado, eu faço questão de ver a versão dublada pq acho q consigo me divertir mais com o filme, apesar q tem algumas dublagens q são sofriveis. De dublagem ruim, eu realmente não gostei em Detona Ralph da dublagem feita pela Mari Moon, achei muito estranha. Em contrapartida, de dublagem boa eu gostei muito da feita pelo Chico Anysio em Up, Altas Aventuras, mesmo o velho CHico tendo sofrido um pouco nas mãos do filho, o Nizo Neto hehehe.

    Bom, é isso e abcs

    • NerdMaster disse:

      O grande Chico não sofreu nas mãos do Nizo. Sofreu nas mãos do Gracia Jr. que era o diretor de dublagem do UP.

    • Você tem uma certa razão ao preferir assistir filmes live action em sua língua original com legendas e animações com dublagem nacional. Afinal, o desenho animado foi feito para receber uma voz "estranha" naquele corpo, uma voz que não é sua de nascença. Assim, a dublagem soa como um processo natural, enquanto o processo inverso pode ser sentido, por alguns, nos filmes com atores reais, já que você está "adulterando" a expressão da emoção como um todo daquele ator (já vi pessoas que não curtem filme live action dublado dizendo que é um desrespeito à atuação do elenco – não que este seja o seu caso). Como já foi visto no "Paranerdia #55", nem sempre isso é verdade, já que alguns filmes sofríveis são salvos pelo nosso excelente corpo de dublagem brasileiro.

      Mas o importante é que você desfrute da sua forma de entretenimento da forma que melhor lhe agrade, Seiji! Abraço de quadril seguro pra ti!

  12. Nerdanderthal disse:

    Episódio divertidíssimo: 1º por nos fazer viajar um pouco lembrando de tantos filmes e em 2º porque a galera estava com a corda toda. Acho que foi o episódio com mais Tun dun tss! no Paranerdia.
    Como já comentei em outro episódio, gosto muito de filmes dublados pq posso prestar mais atenção às interpretações dos atores e às imagens, porém, é claro, que têm dublagens sofríveis de alguns personagens, mas no todo, os demais dubladores e as excelentes direções, superam esse problema.
    Eu até agora não consegui entender a razão financeira de colocarem famosos nas dublagens. Das pessoas que conheço, que gostam de cinema, nunca ouvi uma vez sequer alguém dizer que ia assistir a um filme por causa de fulano ou beltrano que iria fazer uma dublagem. Acho uma grande furada dos produtores e acredito que não traga nenhum aumento de bilheteria.
    Bem, de qq forma a dublagem brasileira é uma das melhores do mundo e acho q dublagem é para dubladores, assim como comentários de podcasts é para comentaristas profissionais e não para qualquer aLx da vida que aparece por aí.

  13. Excelente episódio. Eu, como imenso fã de dublgem que sou, não poderia deixar de comentar este episódio. Assisti recentemente o filme Enrolados, e foi sofrível chegar até o fim com aquela voz do Luciano Huck. O Miotti como sempre, a enciclopédia da dublagem brasileira. Parabéns a todos que participaram do episódio.

  14. aLx disse:

    Bom dia, Nerds!
    .
    Acho que o Mário Monjardim disse tudo. Não tenho nada a acrescentar, apenas que me irrita um pouco quando aparece um Judas para ser malhado. O Luciano Huck virou Judas nesta questão da dublagem péssima que ele fez, assim como o Crepúsculo também virou alvo de malhadas.
    .
    Enfim, não curti muito esse Paranerdia porque ficou muito forçado nas piadas. Muuuuuuuuuuuuuita tiradinha engraçada e acabou passando do ponto NA MINHA OPINIÃO.
    .
    Achei que saiu um pouco da característica do programa.
    .
    .
    .
    E, claro, não poderia deixar de agradecer pela premiação da camiseta da Fiction. Muito obrigado!
    .
    Abraços.
    .
    aLx

    • NerdMaster disse:

      Em primeiro lugar: parabéns pela camiseta. Você fez por merecê-la!

      Segundamente: Acho muito válida essa sua opinião sobre o tema e o nível de piadas do cast. Acho que isso aconteceu porque o tema foi bastante descontraído e a química entre os convidados foi ótima!

      Mas levaremos sua crítica construtiva em consideração para melhorarmos cada vez mais Alessandro!

  15. […] NA PODOSFERA Cabine do Tempo 09 – A Primeira Vez é Fedida pra Cacete com Miotti Paranerdia 74 – Famosos Fazendo Dublagem com Miotti e Ihasmin Conheça o projeto do Lucas Amura – Português com […]

  16. D@nil.B disse:

    Leandro Hassum é sensacional, gosto dele como ator, mas prefiro como dublador. É a caricatura perfeita! E ótima condução das opiniões e piadinhas no programa!

  17. Caco Garcia disse:

    Só para dar alguns dados extras, colocar famosos pra dublar por aqui é só 10% na intenção das produtoras e distribuidoras de conquistar público. 90% do que eles querem mesmo é gerar divulgação gratuita, já que a mídia de entretenimento e de celebridades dá muito mais destaque em suas matérias às produções com celebridades do que as com dubladores "normais".

    O Garcia realmente dirigiu Enrolados que estreou em janeiro de 2011. Ele pediu demissão e saiu da Disney no final desse mesmo mês. Fica aqui a informação pra vocês pensaram.

    E a minha opinião sobre o assunto é a mesma do Vitor "Subalterno" Hugo. Quando você tá com a gastrite atacada vai atrás de um Gastroenterologista ou procura um Encanador, que pode resolver seu problema mais dolorosamente? TUM DUM TSSSSS hahahah Vamos colocar os dubladores pra dublar!

  18. Caco Garcia disse:

    Aliás, já que é pra falar de famosos na dublagem, já viram qual a última notícia do nível Luciano Huck? MICHEL TELÓ ganhou um personagem em Univerdade Monstros…
    http://caconacuca.com.br/entretenimento/desenho-e

    Jesus me chicoteie!

  19. actionnerds disse:

    Saindo de Briggs e Monjardim, descendo ao nível de Luciano Huck e terminando no Michel Teló – dublando e cantando em Universidades Monstros. PORQUÊÊÊÊÊÊÊÊÊ?

    Enfim, eu sempre digo isso, eu não vejo filme dublado (só em última opção mesmo), mas defendo a profissão da dublagem, porque é MUITO importante dentro do mercado brasileiro. Conheço o Briggs e seu trabalho (e sim, assisti dublagem só com a voz dele), mas não é a minha preferência!!

Leave a Reply

'